INSS nega certidão e Sispmur convoca servidores filiados para ação judicial, prazo encerra dia 13 de agosto

0
175

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rondonópolis (Sispmur), convoca os servidores filiados que prestaram serviços seja contratado ou por carteira assinada que compareça a Prefeitura Municipal (setor de Recursos Humanos), para solicitar de forma individual a declaração de suas vidas funcionais correspondentes aos anos de 1990 a 1994, para que o Sispmur possa ingressar com processo na Justiça Federal contra o INSS, que se recusa a fornecer certidão de tempo de contribuição aos servidores para reconhecimento pelo IMPRO para a concessão de aposentadoria, em especial as mulheres professoras que se aposentam nesse ano e seguintes.

Segundo a presidente do Sispmur Geane Lina Teles o INSS tem negado esse documento e prejudicando os servidores, o que justifica uma medida judicial. “Tentamos por todos os meios administrativos para que o INSS atendesse os servidores, já que possuem direito e contribuíram, mais já recebemos muitas negativas e decidimos por judicializar e convocamos os servidores filiados, que de forma individual, solicite a certidão e traga no Sindicato, para que possamos juntamente com os outros documentos entrar com a ação garantindo o direito à aposentadoria desses servidores,” destaca.

Geane lembra ainda que os servidores que já tiveram a negativa do INSS, que traga toda a documentação na sede do Sispmur.

Segue a lista dos documentos necessários:

*Certidão da vida funcional (Emitida no RH da Prefeitura)

*Documentos Pessoais

* Comprovante de residência

* CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais (pode ser emitido de forma eletrônica no endereço: https://meu.inss.gov.br/central/index.html#/extrato. (se trata de cadastro pessoal)

*Carteira de trabalho

*Holerites

*Ficha financeira

*Contratos da época, que comprovem o vinculo com a prefeitura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui