Pátio alega descentralização de serviços, mais cidade continua um caos

0
37

O prefeito de Rondonópolis, José Carlos do Pátio disse essa semana em entrevista para a um jornal local que delegar poderes a secretária Mara Gleibe, teria o objetivo de descentralizar os serviços e dar mais agilidade nos processos de pagamentos, e com isso honrar, o compromisso com servidores e fornecedores.

Mais não é o que vem acontecendo em Rondonópolis, desde abril servidores tentam dialogar com a prefeitura, sem sucesso, atrasos nos pagamentos da Coder e vale-alimentação continuam, assinatura do seguro para os caminhões da Coder continuam sem assinar, depois de ter noticiado amplamente na mídia a aquisição, os caminhões se quer saíram do pátio e vemos na mídia o descaso dessa gestão com a população e seus servidores.

A presidente do Sispmur contesta essa descentralização e destaca que a política de não dialogar com os servidores continua e pode acarretar em paralisação novamente. “Estamos cansados de enrolação, constantemente temos servidores reclamando das condições em que estão trabalhando, falta merenda, material de higiene e materiais para as unidades de saúde. Tem servidor que não vai receber devido à inercia do prefeito em assinar o ato de posse, progressões de servidores paradas. O portal da transparência há um bom tempo não recebe atualização. E o prefeito se ausenta para fazer campanha fora, sem nem mesmo fazer a lição de casa, essa situação causa indignação, e pergunto ao cidadão, nós vamos pagar o salário do prefeito enquanto ele deixa suas atividades na prefeitura para fazer campanha para o governador?”, conclui.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui