Servidores aprovam um dia de paralisação e prorrogam indicativo de greve

1
0

Durante a assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (24), no Canada Country Club, os servidores aprovaram a prorrogação do indicativo de greve por mais 30 dias, e também um dia de paralisação, no inicio do próximo mês, caso o prefeito não faça a reposição da infração para os servidores já nos vencimentos em fevereiro. “Trabalhamos para não acontecer uma greve, somos contra, mas também não podemos continuar aceitando as coisas do jeito que estão. Atraso no salários dos servidores, isso diminui ainda mais o nosso poder compra, contas atrasadas, nós pagamos juros e  não recebemos estes acréscimos, não temos para quem fazer estes repasses negativos. Vamos fazer algumas alterações nos PCCSs, espero que o Prefeito e a equipe dele entenda. Uma greve geral vai depender das ações do Executivo. Nós vamos buscar todas as formas para isso não acontecer, mas se o Prefeito não  fizer a parte dele infelizmente teremos que usar este instrumento “greve”, mais isto, somente em ultimo caso”, declarou Rubens Paulo presidente do Sispmur.

Outro ponto que deixou os sindicalistas contrariados são os atrasos do repasse que o Executivo ainda não fez para o Sispmur. Os recursos ja foram descontados nos vencimentos dos servidores, mas a equipe do Prefeito anda não

Rubens Paulo durante assembleia desta sexta-feira (24)
Rubens Paulo durante assembleia desta sexta-feira (24)

liberou para o sindicato. Este descontos são referentes ao mês de dezembro do ano passado.

Segundo o novo, Secretário de Finanças Renato Leite Duarte, o valor que está retido na prefeitura gira em torno de R$ 26.000, mil.

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui