Sindicato vai acionar município para pagar referencias e elevação de nível

0
0

diretoria

Diretores do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rondonópolis (Sispmur), se reuniram com secretário de administração Valdecir Feltrin para cobrar o pagamento da elevação de nível ( Grau de escolaridade superior ao atual,  curso de especialização,mestrado e até doutorado ), e da  referencia, a cada dois anos o funcionário tem acrescido uma letra na sua ficha de matricula, que  corresponde 2% de aumento na folha salarial.  O vice-prefeito Rogério Salles, também participou da reunião.

Salles, disse que a procuradoria informou à administração que o pagamento da referencia é ilegal. Mas a administração contradiz, quando questiona a legalidade dos vencimentos. Uma vez que a referência está no atual PCCS, que foi criado pelo próprio prefeito Percival Muniz em 2000. Entretanto desde que foi criada sempre os servidores receberam, agora a administração questiona algo depois de quase 14 anos.

O sindicato não concorda com as argumentações de Rogério, e vai ingressar um mandado de segurança, para que o Executivo efetue o pagamento aos servidores.

Mas o débito para com os servidores continua a elevação de nível, não tem questionamentos e o Conselho de Desenvolvimento Funcional (CONDEF), já aprovou os requisitos dos servidores  que tem  direito, mas o Executivo ainda não fez  pagamento. “ Além  de não pagar os servidores a administração ainda gera um problema a mais causando descontentamento entre os trabalhadores, somente a pasta da educação recebe os vencimentos citados acima”, disse o presidente Rubens Paulo.

O sindicato não concorda com esta diferenciação, todos têm direito a elevação de nível e a referencia.

A diretoria vai acionar o município mais vez na justiça, para fazer valer os direitos dos trabalhadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui